Agressão laboral

by

Consumada mais uma agressão aos trabalhadores e aos seus movimentos.

“A primeira das quais é a possibilidade do banco de horas ser implementado por “acordo entre o empregador e o trabalhador”, isto é, sem negociação coletiva, intervenção sindical ou das comissões de trabalhador. Admite-se que esse banco possa aumentar o tempo de trabalho “até duas horas diárias ao período normal de trabalho, com o limite de 50 horas semanais e de 150 horas anuais”.

Ler mais: http://aeiou.expresso.pt/tudo-o-que-muda-nas-leis-laborais-com-o-novo-acordo-de-concertacao=f699914#ixzz1jjqqbe4N

Anúncios

Uma resposta to “Agressão laboral”

  1. ivogoncalves Says:

    http://ivogoncalves.wordpress.com/2012/01/18/zona-de-conforto/

Os comentários estão fechados.


%d bloggers like this: