Precisamente pela liberdade de expressão – Um Fórum que não é do SNESup

by

Caro Luís Moutinho,

Abro aqui esta excepção porque a consideração que tenho por ti me leva a este esclarecimento. Não pretendo alimentar esta discussão pública pois não considero a forma correcta de o fazer.

O Fórum SNESup foi criado – como muito bem afirmaste – com objectivos na definição dos quais participei. A ideia foi apresentada na Direcção do SNESup (não por mim) com o objectivo de promover as comemorações dos 20 anos do SNESup. Como muito bem afirmaste também não é do SNESup e só deveria vincular os autores dos posts. No entanto o facto de 5 dos seis membros do Conselho Editorial serem da Direcção do SNESup e o facto de se chamar Fórum SNESup fez com que em termos práticos esteja associado ao SNESup. Não era suposto ser assim, tens razão.

Mas quando o Fórum passa a ser utilizado para divulgar informação interna da Direcção do sindicato passa a ser um assunto do SNESup;

Quando membros da Direcção do SNESup sofrem ameaças de que as suas opiniões – emitidas em debates internos da Direcção – serão tornadas públicas porque discordantes de determinada pessoa passa então a ser um problema do SNESup – e aqui sim temos um verdadeiro problema de liberdade de expressão;

Quando em reuniões da Direcção do sindicato, por várias vezes e por diferentes membros, foi manifestado o incómodo com alguns dos conteúdos encontrados no fórum e que diziam respeito à Direcção passa também a ser um problema do SNESup;

Quando no fórum existem comentários sobre membros da Direcção e relativamente à sua actuação enquanto dirigentes passa a ser um problema do SNESup;

Quando no fórum existem comentários jocosos sobre outras pessoas roçando o insulto, e utilizando identidades fictícias, o facto de se chamar Fórum SNESup faz com que seja um problema do SNESup.

Como muito bem dizes este Fórum não é do SNESup e que isso fique bem claro. Como tal também não é suposto que o site do SNESup tenha links para este fórum. Não é minha pretenção acabar com o fórum. Quem sou eu para tentar acabar com qualquer tipo de fórum. Que continue mas completamente esclarecido que não tem nada a ver com o SNESup mas apenas com pessoas que em determinada fase tiveram ou têm ligações ao SNESup.

Sempre defendi a liberdade de expressão. Mas utilizando outra máxima: “A minha liberdade termina onde começa a liberdade do outro.”

Agora o Fórum deve continuar mas sem nenhuma conotação com a Direcção do SNESup. Mudar o nome ajudaria mas isso não me compete a mim.

Por vezes gostaria de não ter a responsabilidade de presidente da Direcção do SNESup e poder contar aqui a minha versão das estórias assim como outras que estão por contar. No entanto tenho o dever de auto-contenção e acredita não tem sido fácil. Talvez um dia o possa fazer.

Por respeito às pessoas que utilizam este fórum para procurar informações úteis sobre assuntos que os preocupam verdadeiramente, e que dizem respeito à sua carreira ou à sua vida de estudantes, coloquei o último post chamado de “Questões?”. Nele responderei a questões e esclarecerei rumores desde que as pessoas se identifiquem pois a mim está vedada a possibilidade de actuar sobre o anonimato.

Desde Fevereiro que tenho ido às escolas apresentar as posições do SNESup e dar a cara por elas. Assim pretendo continuar a fazê-lo.

Abraço,

Gonçalo.

Anúncios

8 Respostas to “Precisamente pela liberdade de expressão – Um Fórum que não é do SNESup”

  1. Gaia Says:

    Caro Gonçalo,
    Ficamos todos muito mais descansados por ter dado o seu aval à continuação do fórum. Só não compreendo como tão ilustre figura e com tão nobre currículo, apesar das contundentes críticas que desfere a este fórum, sentiu necessidade de na sua página pessoal do twitter colocar vários links para este fórum corrompido e instrumentalizado (http://twitter.com/gxufre).
    Quer parecer-me que o seu “calcanhar de Aquiles” é a procura de notoriedade a todo o custo.
    Tenha cautela, utilizar os colegas como trampolim político tem os seus riscos.
    Saudações
    Gaia

  2. moutinho Says:

    Insinuar que o Fórum está fora da esfera do SNESup, por não ser a sua correia de transmissão, é como considerar a RTP fora da esfera do Estado…
    Os meios de comunicação podem ser controlados (PRAVDA) ou livres (RTP, RDP…). É uma questão de postura. Nunca estaria disponível para colaborar com o PRAVDA.

    • Gonçalo Xufre Says:

      Caro Moutinho: essas interpretações não fazem sentido. O Fórum está fora da esfera do SNESup porque simplemesmente está. Aliás foram informações tuas que esclareceram isso. O Fórum é da responsabilidade de 6 pessoas que compõem um Conselho Editorial e que não são nem representam o SNESup enquanto tal.

      Apenas os órgão legitamente eleitos podem representar o SNESup. Relativamente à Direcção do SNESup: quando começou a ser usado para atacar membros da Direcção (e que fique bem claro que não estou a falar de mim) deixou de fazer sentido deixar-se associado à Direcção do SNESup. É tão simples quanto isso. Abraço, Gonçalo.

  3. M Says:

    Gonçalo; prestarias um serviço maior se dissesses o motivo pelo qual a comissão permanente não reúne. Perdeste ainda mais a razão quando no teu Twitter fazias remissões para o forum Snesup (e muitas). Concentra-te no essencial. O Moutinho acaba de te tirar o tapete e sabes bem a consideração que centenas de docentes por este país fora nutrem pelo ex-presidente Moutinho é enorme. Antes que fiques mais só, pondera bem e revê a tua posição. O tempo está a esgotar-se e as pessoas querem uma tomada de posição do Snesup NA LINHA DAQUELA QUE AVANÇOU O IVO.

    • Gonçalo Xufre Says:

      Caro Miguel Gonçalves,

      Relativamente à Comissão Permanente da Direcção peço imensa desculpa mas tratam-se de assuntos internos da Direcção que não devem ser tratados aqui. Não posso nem devo fazer o que internamente critico aos outros. Posso apenas adiantar que as estórias não são o que parecem.

      Quanto ao Twitter: as remissões que fiz foram no início do Fórum – 1 de Abril de 2009 – e com o objectivo de o divulgar.

      Aliás depois da concentração em São Bento deixei de usar o Twitter. Não foi por acaso.

      Aliás acho que o fórum é uma ferramenta preciosa e que pode e deve ser usado. Na qualidade de presidente da Direcção é que acho que é minha obrigação defender qualquer membro que aqui seja atacado ou insugir-me contra qualquer uso que acho que põe em causa a Direcção do SNESup.

      O Moutinho não me acaba de tirar o tapete. Emite a sua opinião com base naquilo que observa como membro exterior que é à Direcção do SNESup. Essa opinião é legítima apesar de, na minha opinião, não estar baseada em informações completas.

      Quanto ao estar só: estou neste processo de corpo e alma e os objectivos que procuro são públicos e dou a cara por eles. A batalha está longe do fim e cada vez mais perto de conseguirmos uma vitória. Que fique claro: conseguirmos uma vitória é resolvermos de forma digna e justa a transição de 4000 docentes precários do subsistema politécnico muitos dos quais são meus colegas e amigos pessoais. O SNESup assumiu isso logo no início do processo negocial com um cartaz que produziu e distribuiu nas escolas.

      A tomada de posição do SNESup deverá ser sempre com base na maioria das opiniões dos membros da direcção – que funciona com o handicap de ser uma equipa com pessoas do Porto ao Algarve passando pelos dois arquipélagos.

      Medidas estão a ser tomadas desde a vigília de 5ª feira. A direcção do SNESup irá dar conta dessas medidas através dos seus meios de informações normais.

      Relativamente à contestação no politécnico desde o início da greve que está no terreno uma equipa da Direcção do SNESup com conhecimentos profundos do que se passa e que tem dado todo o apoio à contestação do processo transitório.

      Abraço,

      Gonçalo.

  4. Silva Says:

    Gonçalo, o problema é que se não for através do fórum ninguém tem informação do que se passa no sindicato. Ultimamente como sócio do snesup tenho recebido muito pouca informação do que se está a fazer, nem comunicados, nem newsletter, enfim as únicas informações que recebo é aqui ou através das noticias. É óbvio que a falta de informação leva a que as pessoas sintam que todo este processo de actuação do sindicato é suspeito, mais a mais numa altura destas.

  5. M Says:

    Apenas se pede união na coesão à Direcção do Snesup. Vocês os dois são os motores do sindicato. Se algum gripa… a máquina não anda. Mas será que custa assim tanto pegar no telefone e ligar à outra parte? Não será uma questão de … orgulho (mútuo)?

  6. oralilolé Says:

    vejam lá se se entendem, pois se vocês não se entendem, como é que nos vamos entender com o governo?

    tou farto de ler sobre cores políticas, e quem é que vai ganhar com o quê….

    ppl, olhem com visão e percebam que ninguém neste mundo faz nada sem ter em vista algum lucro – seja esse lucro monetário, visual, prestígio, tempo de antena, etc… se pelo meio desse caminho for possível ajudar outros tantos, ainda melhor, ficam todos a ganhar.

Os comentários estão fechados.


%d bloggers like this: